Como cuidar do coto umbilical
31 de maio de 2017
Como escovar os dentinhos do bebê
31 de maio de 2017

– Deve ser dado diariamente; além de garantir a higiene, dá conforto e tranquilidade à criança.

– Não há um horário padrão, o único cuidado é evitar as horas mais frias do dia.

– No início, o banho deve ser rápido para que o bebê não sinta frio; à medida que cresce, ele passa a gostar mais desse momento, por isso o tempo do banho pode ser prolongado.

– Separar o material necessário:
–  Banheira plástica que será utilizada exclusivamente para o banho.
–  Água morna.
–  Sabonete neutro em barra ou líquido.
–  Álcool a 70%.
–  Hastes flexíveis com ponta de algodão ou gaze.
–  Toalha macia.
–  Fralda descartável.
–  Pomada à base de óxido de zinco.
–  Roupas que serão colocadas no bebê após o banho.

– Lavar a banheira antes do banho com água e sabão.

– Não encher muito a banheira. Isso dificulta o banho e aumenta o risco de acidentes. O ideal é que a água cubra até o umbigo do bebê.

– Usar água morna (temperatura ideal de 37 a 38 °C). Colocar primeiro a água fria e depois a morna, testando a temperatura com a região anterior do antebraço (parte interna do braço).

– Iniciar o banho lavando a face, a cabeça e, em seguida, o tronco e o resto do corpo. Deixar por último os genitais e o bumbum.

– Manter sempre a cabeça do bebê elevada para evitar que ele beba a água do banho.

– Lavar o coto umbilical normalmente, durante o banho, com água e sabão.

– Após o banho, enxugar o bebê delicadamente com uma toalha macia, iniciando pela cabeça e pela face e descendo pelo resto do corpo, com cuidado especial nas dobras (pescoço, axilas e virilha) para reduzir a chance de assaduras.

– Limpar o coto umbilical com álcool a 70%.

– Colocar a fralda.

– Vestir o bebê com roupas confortáveis e adequadas à temperatura ambiente.

carlos
carlos
Médico Pediatra formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Fez Residência Médica em Pediatria pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Membro da Sociedade Brasileira e Paulista de Pediatria. Faz parte do Corpo Clínico dos Hospitais Albert Einstein, Sírio Libanês e Santa Catarina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *